Geral

RO: representantes da Santo Antônio Energia pedem por liberação de projeto

O presidente da Assembleia Legislativa (ALE), Maurão de Carvalho (PMDB) acompanhado dos deputados Edson Martins (PMDB) e Cleiton Roque (PSB) estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira (8) com o vice-governador Daniel Pereira (PSB) e representantes da Santo Antonio Energia (SAE) sobre a liberação do projeto que permite o aumento do barramento do lago da usina em 80 cm.

Segundo técnicos e advogados da SAE, 99% das demandas judiciais envolvendo a usina, já estão acertadas com o Ministério Público Estadual, faltando, segundo o advogado Claiton Kussler, apenas ajustes e assinatura de dois Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) e uma questão judicial envolvendo honorários advocatícios.

O advogado também se comprometeu de entregar para a ALE na próxima terça-feira (14) a relação com todas as informações pertinentes as compensações para análise e questionamentos dos deputados.

O vice-governador Daniel Pereira pediu para que a ALE e SAE entrem em sintonia e resolvam as questões, pois o Estado e o município necessitam aumentar a arrecadação. “Desde a inauguração até o momento as usinas já pagaram cerca de R$ 400 mi em royalties e com as seis turbinas a mais em plena operação poderia ser muito mais”, declarou.

O gerente de sustentabilidade da SAE, Guilherme Abbad Silveira se prontificou a apresentar o empreendimento aos parlamentares para que tenham noção da grandiosidade dos investimentos. E comparou afirmando que o lago da usina de Samuel é o dobro da SAE e gera menos energia. “Só as seis turbinas em questão geram mais que o dobro de Samuel”, afirmou.

O deputado Edson Martins pediu aos técnicos do empreendimento que se disponham a ir até a Assembleia e apresentem os dados e que convençam os parlamentares que estão pedindo as informações. “A minha maior preocupação é com a segurança e proteção. Se a usina já providenciou isso e o MP concordou, não há mais o que questionar”, disse.

Os técnicos também informaram aos deputados, que um trecho da BR 364 será alteado por segurança e que o lago da usina já adquiriu todas as terras necessárias com margem de segurança que serão alcançadas pelo novo barramento da usina, acrescida de faixa de segurança.

O deputado Maurão de Carvalho pediu que os técnicos da usina resolvam estas questões e apresentem os dados aos parlamentares, bem como ajudem o Hospital de Câncer de Barretos com R$ 5 milhões, pois “a Assembleia está empenhada em conseguir os outros R$ 5 milhões necessários e prometidos pelo governo estadual”.

Fonte: ALE/RO – DECOM

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close