GeralÚltimas Notícias

Plantio de soja expande pelo Vale do Guaporé, em Rondônia

This section contains some shortcodes that requries the Jannah Extinsions Plugin. You can install it from the Theme settings menu > Install Plugins.

Com a média de 60 a 70 sacos colhidos por hectare, o plantio de soja avança na região do Vale do Guaporé e sinaliza como mais uma alternativa ao setor produtivo. A região se destaca em Rondônia pela alta produtividade de inhame, mas as lavouras de urucum e do café clonal também já prosperam na região.

O Vale do Guaporé é o responsável por 33 mil hectares de soja plantada e o município de São Miguel do Guaporé já é o segundo maior produtor de café conillon de Rondônia, atrás de Alta Floresta do Oeste, na Zona da Mata.

O produtor Luiz da Vitória, de São Francisco do Guaporé, é um dos investidores desse segmento. Nos últimos três anos, ele trocou boa parte da pecuária pela soja. São 500 hectares do grão plantados na propriedade dele, localizada a menos de 6 quilômetros do centro de São Francisco do Guaporé. O objetivo dele é ampliar.

Durante 21 anos, Luiz da Vitória só trabalhava com a pecuária. Nos últimos três anos ele resolveu experimentar outra atividade. Foi no plantio de soja que ele descobriu ser mais vantajoso financeiramente.

“A lavoura de soja é mais rentável que a criação do gado, mas dá pra trabalhar as duas fontes por meio da integração lavoura pecuária”, falou o produtor, que cria 250 cabeças de gado e já está preparando outra área para aumentar a produção da soja. “O arroz ocupa uma área equivalente a 300 hectares”, detalha Luiz, explicando que antes de plantar a soja a área é ocupada primeiro com o plantio de arroz, que após a colheita a palha se transforma em adubo para soja.

Em visita à propriedade de Luiz da Vitória, na segunda-feira (18), o secretário estadual de Agricultura, Evandro Padovani, destacou o crescimento do plantio do grão em Rondônia. “O soja tem um excelente mercado e cada vez mais o agricultor está assimilando bem a importância de diversificar a produção”, disse o secretário, que cumpre agenda no interior entregando aos municípios mudas de café clonal no programa de revitalização da lavoura cafeeira.

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

[divider]

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close