Política

Mariana Carvalho defende que médicos disputem eleições

A médica e deputada federal Mariana Carvalho (PSDB/RO) defendeu uma maior aproximação dos profissionais da medicina à Política durante reunião da Comissão de Integração do Médico Jovem, nesta terça-feira (19), na sede do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Mariana, que também é bacharel em Direito, é a parlamentar mais jovem da Câmara dos Deputados e atualmente ocupa o cargo de 2ª secretária da Mesa Diretora da Casa. A visita atendeu a um pedido da Comissão, coordenada pelo diretor-tesoureiro do CFM e conselheiro federal pelo estado de Rondônia, José Hiran Gallo

“É importante garantir que médicos tenham espaço dentro da Câmara para influenciar o debate sobre a área. Aqui tivemos um momento de união e de aprendizado mútuo e, ainda, de estímulo para que os médicos participem da vida pública. A saúde deve ser tratada com responsabilidade e respeito”, disse a deputada.

Durante o encontro, membros da Comissão manifestaram preocupação com alguns dos maiores desafios para os médicos brasileiros, como a valorização da formação por meio a Residência Médica, Síndrome de Burnout – distúrbio de caráter depressivo e precedido de esgotamento físico e mental –, além da ocorrência de suicídios entre estudantes e residentes de medicina.

Dirigentes do CFM também expressaram preocupação com as pautas do Congresso Nacional que legislam sobre a atividade médica no Brasil. A deputada Mariana Carvalho afirmou que vai buscar espaços no âmbito legislativo para que as demandas da categoria possam ser mais discutidas, a exemplo da qualidade da formação profissional. Também incentivou a candidatura de mais médicos para mandatos eletivos.

“Precisamos da participação mais ativa dos médicos na política. Quero me colocar à disposição da Comissão de Integração do Médico Jovem para estar cada vez mais envolvida com as causas médicas e ser essa conexão entre o Conselho Federal de Medicina e a Câmara Federal”, afirmou a deputada.

Envolvimento

Além de representantes do CFM, participaram deste encontro da Comissão de Integração do Médico Jovem docentes e discentes da Associação Brasileira de Educação Médica (ABEM), Associação Brasileira de Ligas Acadêmicas de Medicina (ABLAM), Associação dos Estudantes de Medicina do Brasil (Aemed-BR), da Associação Nacional de Médicos Residentes (ANMR), Federação Internacional das Associações dos Estudantes de Medicina do Brasil (IFMSA Brazil) e da Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina (Denem Nacional).

Fonte: Michelle Portela – Objetiva Assessoria


COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close