PARCERIA – Prefeitura firma convênio para pagar aluguel da Associação dos Autistas em Porto Velho

Primeira-dama Ieda Chaves intercedeu conseguindo forma legal de ajudar a entidade que realiza o trabalho humanitário

A partir de agora a Prefeitura de Porto Velho pagará o aluguel avaliado em R$ 8 mil da nova sede da AMA – Associação dos Amigos do Autista em Rondônia. A boa notícia foi anunciada pela primeira-dama do Município, Ieda Chaves, durante Chá Beneficente realizado pela entidade para arrecadar recursos, na Casa Blanca Eventos.

A AMA foi a primeira associação que recebeu salário do prefeito Hildon Chaves. “Fizemos visita ao local e percebemos a angústia das voluntárias da casa tanto para pagar o aluguel, quanto o desejo em ter um local maior e mais apropriado para receber crianças portadoras de autismo, destacou Ieda Chaves, ao anunciar o convênio.

SOLUÇÃO LEGAL

A primeira-dama há muito é uma das colaboradoras como madrinha da AMA. Conhece a história de luta da associação, através da ex-presidente da entidade, Glória Fernandes. Ieda Chaves e o prefeito dr Hildon Chaves buscaram uma solução legal para ajudar.

Isso demonstra que a nova administração municipal se preocupa com as causas sociais. Dr. Hildon Chaves vem fazendo um trabalho de gestor. Sabemos que ainda falta muito o que fazer, mas estamos apenas começando, menos de um ano à frente da Prefeitura. Ao longo desses quatro anos certamente a população vai ver muito mais ações”, disse emocionada Ieda Chaves ao entregar o documento do convênio firmado graças também ao empenho da Superintendente Municipal de Gastos Públicos, Valéria Jovania, que pesquisou uma forma legal e conseguiu solucionar por meio da Secretaria Municipal de Ação Social e Família, a Semasf.

AMA

A AMA funciona atualmente na rua Iguatemi, Bairro Eletronorte, zona Sul de Porto Velho. Atende mais de 50 portadores de autismo com idades de 7 a 33 anos. Segundo a diretora de capacitação, Neyla Mila, a nova casa já está recebendo reforma para a mudança. “Na atual nem piscina tem. É dificultoso. Precisamos de um ônibus para levar e buscar nossas crianças. A outra casa será maior e poderemos atender mais pessoas”, disse agradecendo o esforço do prefeito dr Hildon Chaves e primeira-dama Ieda Chaves.

Fonte: Comdecom|Foto: Jessica Miranda

Comentar

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*