Copa do Mundo 2018

Tabela de classificação da Copa do Mundo Rússia 2018 – Final

Créditos Imagem: Divulgação/Fifa.com

Confira a tabela de classificação atualizada da Copa do Mundo – Rússia 2018.

GRUPO A

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Rússia
7 3 2 1 0 7 8 1 77.8
2 Uruguai
7 3 2 1 0 2 2 0 77.8
3 Arábia Saudita
3 3 1 0 2 -5 2 7 33.3
4 Egito
0 3 0 0 3 -4 2 6 0

GRUPO B

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Espanha
5 3 1 2 0 1 6 5 55.6
2 Portugal
5 3 1 2 0 1 5 4 55.6
3 Irã
4 3 1 1 1 0 2 2 44.4
4 Marrocos
1 3 0 1 2 -2 2 4 11.1

GRUPO C

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 França
7 3 2 1 0 2 3 1 77.8
2 Dinamarca
5 3 1 2 0 1 2 1 55.6
Peru
3 3 1 0 2 0 2 2 33.3
3 Austrália
1 3 0 1 2 -3 2 5 11.1

GRUPO D

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Croácia
7 3 2 1 0 5 5 0 77.8
2 Nigéria
4 3 1 1 1 0 2 2 44.4
3 Islândia
2 3 0 2 1 -2 1 3 22.2
4 Argentina
2 3 0 2 1 -3 1 4 22.2

GRUPO E

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Brasil  
7 3 2 1 0 4 5 1 77.8
2 Suiça
5 3 1 2 0 1 5 4 55.6
3 Sérvia
3 3 1 0 2 -2 2 4 33.3
4 Costa Rica
1 3 0 1 2 -3 2 5 11.1

GRUPO F

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Suécia
6 3 2 0 1 3 5 2 66.7
2 México
6 3 2 0 1 -1 3 4 66.7
3 Coreia do Sul
3 3 1 0 2 0 3 3 33.3
4 Alemanha
3 3 1 0 2 -2 2 4 33.3

GRUPO G

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Bélgica
9 3 3 0 0 7 9 2 100.0
2 Inglaterra
6 3 2 0 1 5 8 3 66.7
3 Tunísia
3 3 1 0 2 -3 5 8 33.3
4 Panamá
0 3 0 0 3 -9 2 11 0

GRUPO H

CLASSIFICAÇÃO P J V E D SG G GC %
1 Colômbia
6 3 2 0 1 3 5 2 66.7
2 Senegal
4 3 1 1 1 0 4 4 44.4
3 Japão
4 3 1 1 1 0 4 4 44.4
4 Polônia
3 3 1 0 2 -3 2 5 33.3

OITAVAS DE FINAL – JOGOS EM RODADA ÚNICA

JOGOS DATA DIA HORA ESTÁDIO LOCAL
FRA 4 X 3 ARG
30/06 Sab 11:00 Arena Kazan Cazã – RUS
URU 2 X 1 POR
30/06 Sab 15:00 Olímpico de Sochi Sochi – RUS
ESP 1 X 1 RUS
3 x 4
01/07 Dom 11:00 Olimpico Lujniki Moscou – RUS
CRO 1 X 1 DIN
3 x 2
01/07 Dom 15:00 Nizhni Novgorod Nizhni Novgorod – RUS
BRA 2 X 0 MEX
02/07 Seg 11:00 Samara Samara – RUS
BEL 3 X 2 JAP
02/07 Seg 15:00 Rostov Rostov do Don – RUS
SUE 1 X 0 SUI
03/07 Ter 11:00 São Petersburgo São Petersburgo – RUS
COL 1 X 1 ING
3 x 4
03/07 Ter 15:00 Spartak Moscou – RUS

QUARTAS DE FINAL – JOGOS EM RODADA ÚNICA

JOGOS DATA DIA HORA ESTÁDIO LOCAL
URU 0 X 2 FRA
06/07 Sex 11:00 Nizhni Novgorod Nizhni Novgorod – RUS
BRA 1 X 2 BEL
06/07 Sex 15:00 Arena Kazan Cazã – RUS
SUE 0 X 2 ING
07/07 Sab 11:00 Samara Samara – RUS
RUS 2 X 2 CRO
3 x 4
07/07 Sab 15:00 Olímpico de Sochi Sochi – RUS

SEMIFINAL – JOGOS EM RODADA ÚNICA

JOGOS DATA DIA HORA ESTÁDIO LOCAL
FRA 1 0 BEL
10/07 Ter 15:00 São Petersburgo São Petersburgo – RUS
CRO 2 X 1 ING
11/07 Qua 15:00 Olimpico Lujniki Moscou – RUS

FINAL – JOGO EM RODADA ÚNICA

JOGO DATA DIA HORA ESTÁDIO LOCAL
FRA CRO
15/07 DOM 15:00 Olimpico Lujniki Moscou – RUS
 

REGULAMENTO

Na fase de grupos, as 32 seleções estão divididas em 8 grupos de quatro, sendo que os dois primeiros de cada chave avançam para a próxima fase. Em caso de igualdade na pontuação, são critérios de desempate: 1) melhor saldo de gols, 2) mais gols pró, 3) confronto direto, 4) menos cartões vermelhos e amarelos , 5) sorteio. Nas oitavas, quartas, semifinal e final, os times se enfrentam em sistema mata-mata em jogo único. Em caso de empate no tempo normal, os times encaram prorrogação de 30 minutos e, persistindo a igualdade, a vaga ou o título será decidido na disputa de pênaltis.

Entenda o que é o VAR, sistema que orienta árbitros por vídeo

Na Copa da Rússia, a Federação Internacional de Futebol (Fifa) implantou um sistema eletrônico de apoio à arbitragem conhecido pela sigla em inglês VAR (Video Assistant Referee). O VAR tem por objetivo ajudar o árbitro central, no campo de jogo, a tomar decisão em lances considerados duvidosos.

O sistema é formado por uma equipe de juízes e ex-juízes de futebol. Eles ficam em uma central de vídeo fora do estádio acompanhando por vários monitores de TV toda partida. A equipe conta também com o auxílio de técnicos em vídeos que escolhem os melhores ângulos do lance duvidoso para o replay da jogada. Em uma das margens do gramado, o juiz principal poderá rever o lance em um monitor de TV e tomar a sua decisão.

De acordo com a Fifa, o VAR poderá ser utilizado somente em lances decisivos do jogo que não ficaram claros para o árbitro e seus assistentes às margens do campo. Por exemplo, para definir se num lance de gol houve alguma irregularidade; para ter convicção na marcação de uma penalidade máxima; e na identificação de um atleta que tenha cometido uma falta grave.

Segundo a entidade, cabe ao árbitro central solicitar a revisão de um lance. Nesse caso, ele coloca uma das mãos sobre o ouvido para indicar que está consultando o VAR. Se ele entender que precisa revisar a jogada que ocasionou a dúvida, ele faz um gesto com as duas mãos desenhando um retângulo. Ele pode definir o lance apenas com as informações dos auxiliares de vídeo ou consultando o monitor à margem do gramado formar a sua convicção do lance.

Na primeira partida da Copa do Mundo, entre a Rússia e Arábia Saudita, vencida pela equipe russa por 5 x 0, nessa quinta-feira (14), o juiz central do jogo, o argentino Néstor Pitana, em nenhum momento o VAR precisou ser utilizado. Na quarta-feira (13), o ex-árbitro brasileiro Wilson Seneme, membro do Comitê de Arbitragem da Fifa, esteve na concentração do Brasil, em Sochi, onde fez palestra para os jogadores da seleção brasileira sobre o árbitro de vídeo.

Futebol Americano

Novidade no futebol, o VAR já é utilizado desde a década de 1980 na NFL, a liga de futebol americano dos Estados Unidos. Lá, todas as jogadas de pontuação, duvidosas ou não, são revisadas no vídeo. Além disso, os árbitros podem tirar a dúvida em outros lances, como aqueles em que a posse de bola muda de time ou para saberem se a bola tocou ou não o chão antes que um jogador a agarrasse.

O árbitro de vídeo também é acionado quando um dos técnicos desafia uma marcação de campo. Quando acontece a revisão, o árbitro vai para uma pequena cabine na lateral do campo e assiste a jogada. Nesse momento, nenhum jogador se aproxima dele. A torcida também assiste no telão ao replay da jogada. Não são raras as mudanças na marcação de campo.

*Colaborou o repórter Marcelo Brandão

Edição: Aécio Amado
Por Aécio Amado – Repórter da Agência Brasil* – Fonte: Agenciabrasil.ebc.com.br